terça-feira, 26 de abril de 2016

IMPEACHMENT DE DILMA ROUSSEFF, E A MENTIRA DO GOLPE








         Já diz um antigo ditado que uma mentira repetida mil vezes se transforma em verdade.
         Eis a estratégia do PT, LULA, DILMA E DE TODOS OS COMUNISTAS. 
         Não bastasse, uma constatação inequívoca, dessa latente verdade, vamos encontrar mais de uma vez nos vídeos que circulam na intemet, os interlocutores de esquerda, afirmando essa premissa, ou seja: para eles é preciso mentir sempre. SÃO DECLARADOS INIMIGOS DA VERDADE.
          Dessa forma, MENTIR, MENTIR, MENTIR, MENTIR... É a estratégia em andamento na conduta de todos os vermelhos e com esse feito anti - republicano, estão conseguindo firmar, sobretudo entre os menos esclarecidos, seu alvo principal, o MANTRA DO GOLPE, para que saiam de vítima.
          Eis a realidade: O discurso desses comunistas se dirige, as classes menos esclarecidas, menos favorecida, e com o sacrifício e a penúria das quais eles sobrevivem. 
          São pessoas humildes, acostumadas no seu dia-a-dia, a enfrentarem a dureza da vida no submundo da miséria. Vivem e sobrevivem abaixo da linha da pobreza.  Elas estão sempre ávidas, por qualquer, tipo de benesses, ainda que muitas vezes indignas, desde que as apresente, algum tipo de socorro. 
           O desespero da miséria os sucumbem, mesmo que travestido de grande feito, e inda que, os arraste, no máximo até, a altura da linha da pobreza, onde está o limite de todo socorro oferecido pelos governantes que ora os dominam.
          Ou seja: na política de tais governantes, está definido o projeto, de tirar o miserável da miséria, mas conte-lo na linha da pobreza, de onde não poderá jamais avançar. Não interessa para eles que tais pessoas alcancem a classe média, muito menos que sejam devidamente educados e aprendam a lutar e a reivindicar pelo exercício de sua cidadania.
          Obviamente, o exercício da nociva estratégia, comporta esporadicamente, uma minoria qualificada, visando compor sua militância agressiva e desprovida de escrúpulos, mas a grande massa, que garante suas eleições, não pode transpor a linha da pobreza, onde com poucos recursos, tais governates a alimenta e a mantém acorrentada.
          Fato é que, o feito de governo em prol dos miseráveis, que deveria ser considerado como obrigação primordial, eles, os comunistas propagam aos quatro cantos como uma façanha milagrosa, e explodem a audição dos sofredores, propagando seus feitos mirabolantes e esses, amarrados e acorrentados, nas migalhas que vem do erário, se curvam, se submetem e se sucumbem, e até os endeusam, porque ainda não conheceram seus reais direitos, ainda não se deram conta de que tais governantes não deveriam passar de empregados seus e por eles e para eles, deveriam atuar. ISSO SIM, SERIA A VERDADEIRA DEMOCRACIA.
          Duro é verificar, que a parcela de recursos, destinada a esses miseráveis, não chega a 1%, das arrecadações pertinentes, pior ainda é ver que, a parcela mais significativa, é destinada aos projetos mais escusos, que nada tem a ver com os interesses da população mais sofrida, menos ainda do povo em geral, antes vai atender a interesses pessoais desses, que tem revelado na verdade, desprezo e desamor por nossa pátria. PARECE MESMO QUE, QUEREM A QUALQUER CUSTO, ACABAR COM O PAÍS.
         Acrescente-se que, a ação nociva dos dominantes governistas, não se limita em defraudar ao paupérrimo. Tais ações, estão presentes no descaso com a saúde, com a segurança e com a educação, onde o País agoniza, e a Nação está aos frangalhos, perante seu povo e perante a comunidade internacional.  
          Enquanto isso, tais governantes, se enriquecem de forma jamais vista, acumulam patrimônio de forma escandalosa e exibem festas regadas a bebidas caríssimas, e a fugacidade dos prazeres fúteis.
            Frise-se ainda a forma contumaz, com que o governo e militantes se levantam contra os Princípios sagrados, contrariando de forma revanchista a todas as ordenanças de Deus, como apoiar o aborto, a união homo-afetiva, etc.
           Mas aos poucos, o povo está caindo em si. A população não suporta mais a mentira recorrente na fala de tais governantes. O povo já não aguenta mais, a frase “eu não sabia disso”, protagonizada pelo líder maior, repetida com frequência na boca de todos eles. O povo não aceita mais tanta mentira e entende sobejamente que quando afirmam alguma coisa, TEM DE SE INTERPRETAR EXATAMENTE, DE FORMA CONTRÁRIA.
           Revoltado o Povo foi para as ruas, pedir a saída desse governo criminoso. Há mais de um ano as manifestações vem se repetindo, das mais variadas formas. A presença nas ruas e os famosos "panelaços", tomaram conta, e o insistente pedido da saída desse sistema corrupto, até que se formulou um pedido de impeachment, através da dra. Janaina Paschoal e dos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Junior, que já foi aprovado na câmara dos deputados com uma votação expressiva de 367x137, e hoje se encontra em tramite no Senado da República.
          Desde que se iniciou esse processo, baseado em decretos não autorizados e nas chamadas pedaladas fiscais, tais governantes criaram e divulgam, inclusive internacionalmente o MANTRA DO GOLPE, e repete isso nas conversas mais simples.
         No desespero para defender suas posições, o governo chama o impeachment de golpe, e evocam a eleição, com os votos de 54 milhões de brasileiros, mas se esquecem eles que esse sim foi mais um golpe contra o povo brasileiro, pois, ao viabilizarem as pedaladas fiscais, os mandatários da Nação, MASCARARAM AS CONTAS PÚBLICAS, MOSTRARAM UM BRASIL SADIO, E FLUENTE, ESCONDERAM DA NAÇÃO O REAL ESTADO DOENTIO ONDE ENTERRARAM NOSSO PAÍS, e o fizeram a fim de vencerem as eleições, e conseguiram.
          EIS, O GOLPE MAIOR, pois, se eles tivessem falado a verdade, jamais teriam vencido o pleito eleitoral,  E TERIAM SUCUMBIDO NO SUFRÁGIO, e foi só passar as comemorações da vitória, que logo veio a surpresa para o Povo Brasileiro:  A NAÇÃO ESTAVA INSERIDA NUM INTENSO BURACO NEGRO, JAMAIS VISTO EM TODA A HISTÓRIA DE NOSSO PAÍS. 
         O cinismo é tamanho que eles mesmos vieram na mídia dizer que, tiveram de mentir antes das eleições e depois mudar o discurso, e logo começaram a fazer o que prometeram não fazer, como o aumento de preços gerais e o aumento de impostos, etc.
          Daí a revolta de toda a População; e dos 54 milhões de eleitores, que votaram nesse governo, hoje, praticamente todos, querem O IMPEACHMENT, querem se ver livres desses mentirosos, desses apátridas que destruíram o País.
         Logo, O IMPEACHMENT NÃO É GOLPE, antes é o exercício da cidadania de um povo traído,  sendo que, os que não votaram nesse sistema corrupto, ( quase a metade do colégio eleitoral do País), querem  urgentemente a saída e os que votaram, estão arrependidos de terem cometido esse erro e também querem a saída pelo remédio democrático que é o instituto do IMPEACHMENT.
          Golpe foi enganar 54 milhões de brasileiros. Golpe foi roubar e destruir nossas estatais, como Petrobrás e BNDES, golpe é tirar dinheiro da saúde, da educação e da segurança, acarretando com isso a morte de muitos brasileiros, ao escassear os recursos nessas áreas, tirando o dinheiro daqui e enviando para os amigos de Cuba, Venezuela e de outros países. Golpe foi as pedaladas fiscais, tirando dos bancos públicos mais de cinquenta bilhões, para fraudar as eleições, e agraciar aos amigos...

ISSO SIM É QUE É GOLPE.


IMPEACHMENT JÁ.