quinta-feira, 16 de julho de 2015

PRELIMINARES POÉTICAS: UM NOVO LIVRO








Prezados amigos e irmãos leitores deste blog, venho informar sobre mais um livro de nossa autoria.
Neste feito, procuro trabalhar mais a linha poética, que não vinha sendo explorada.
Os primeiros versos que escrevi, foram feitos quando eu tinha apenas 20(vinte) anos de idade, e desde então, praticamente, nada mais escrevi, nessa linha.
            No início de 2011 escrevi mais um poema, no entanto, foi no começo do ano que passou(2014), que comecei de fato, a dar corda a essa atividade.
            Estamos publicando neste livro, um artigo de reverência ao Criador intitulado: “TRIBUTO AO CRIADOR”, além de quase 100 (cem) textos poéticos, na grande maioria, de cunho evangelístico e mais 250 (duzentos e cincoenta) pensamentos/provérbios/conceitos bíblicos.
            Em meus textos poéticos, procuro valorizar as formalidades tradicionais, ainda que sem observar com intenso rigor os passos que definem tais formas, embora também eu tenha grande apreço pelos métodos mais modernos, além de me deleitar com a função poética, sobretudo, a originalidade, mas, não tenho a pretensão de ser chamado de “Poeta”, uma vez que, os poucos km, caminhados nessa forma de se expressar, não me autorizam fazê-lo.
            Disse um grande escritor e poeta, que não existem em toda a história da humanidade, mais do que 20(vinte) poemas/poesias, onde se encontre de forma eficaz, a perfeita satisfação das qualidades definidas na função poética. Acho que ele exagerou.   
            Partindo dessa premissa, é de se entender que não existe um tema totalmente novo, pois, existiram e existem, centenas e milhares de renomados e respeitados escritores/poetas, que num determinado momento, com muita mestria, exploraram o assunto, porventura considerado novo, e certamente qualquer tema já foi exaustivamente trabalhado. 
            O que existe de novo, é a forma peculiar de exibir um sentimento, por meio da qual se oferece o assunto, e assim, um tema que talvez já tenha sido muito explorado, acaba ganhando novos contornos, novas alternativas que agasalham o assunto com a originalidade, que o torna atraente.
            Dessa forma procuro me apresentar, escrevendo e aprendendo a escrever, buscando o competente aprimoramento, que me conduza ao estado de plena satisfação pessoal, mesmo sem priorizar as pegadas formais que levam ao estágio de um perfeito poeta, ainda que, por outro caminho, um dia no futuro, quem sabe, eu acabe me aproximando desse mesmo endereço.
            Enquanto isso, com a minha simplicidade, vou delirando, alimentando e saboreando essa relação prazerosa e indissociável com o papel virgem que se exibe diante dos meus olhos, me tirando da órbita e me fazendo escrever.

            Um grande abraço.

Nenhum comentário: